Ensino

Início / Ensino / Módulos (UCs) / Química orgânica geral

Tubos de ensaio com diferentes soluções coradas

Química orgânica geral

Código: QUI1095 | Nível: 1º Ciclo | ECTS: 06
Ano: 1º Ano | Semestre: 1º Semestre
Línguas de Leccionação: Português

Docentes

Paulo Jorge Gomes Mendes

Objectivos

Revelar noções básicas sobre química orgânica, nomeadamente sobre a estrutura, nomenclatura, estereoquímica, obtenção, propriedades físicas e químicas dos compostos orgânicos e das biomoléculas. Aquisição de conhecimentos sobre técnicas de síntese, separação, isolamento e identificação de compostos orgânicos. Aplicar os conhecimentos na identificação, caracterização e compreensão das propriedades dos compostos orgânicos relevantes para a área agro-alimentar. Dotar os alunos com conhecimentos sobre a toxicidade de compostos orgânicos e eliminação de resíduos.

Competências

Reconhecer e compreender as propriedades dos compostos orgânicos. Planear e executar trabalhos de laboratório em segurança. Pesquisar bibliografia relevante à elaboração dos trabalhos e apresentar, sob forma oral e escrita, os trabalhos realizados.

Tópicos programáticos

Objecto de estudo da química orgânica e enquadramento da sua importância na área agro-alimentar. Fundamentos de estrutura, ligação química e propriedades de compostos orgânicos. Famílias de compostos orgânicos, nomenclatura e representação estrutural. Fundamentos de estereoquímica. Propriedades físicas e químicas gerais de famílias de compostos orgânicos. Exemplos de reacções orgânicas. Polímeros sintéticos e biomoléculas. Técnicas de síntese, separação e análise de compostos orgânicos. Segurança, toxicidade e eliminação de resíduos orgânicos. Compostos orgânicos presentes nos solos, fertilizantes e pesticidas. Compostos orgânicos em alimentos e embalagens para alimentos (produtos naturais, sintéticos, aditivos alimentares e noções de toxicidade). Breve descrição dos poluentes orgânicos ambientais mais comuns, nomeadamente em solos e em meios aquáticos.

Bibliografia Básica

MCMURRY, J. (2004). Organic Chemistry. 6th Ed., Brooks/Cole.
MARC-LOUDON, G. (2002). Organic Chemistry. 4th Ed., Oxford University Press.
ATKINS, P. (2003). Atkins Molecules, 2nd Ed., Cambridge University Press.

Métodos de Ensino

O ensino/aprendizagem baseia-se no trabalho individual dos alunos, apoiado em bibliografia recomendada. As aulas teóricas não serão totalmente expositivas, sendo ilustradas com a resolução de alguns exercícios exemplificativos sobre a matéria leccionada. As aulas práticas não laboratoriais e laboratoriais funcionarão de uma forma articulada e complementar. Nas primeiras, o aluno resolverá um conjunto de problemas com o apoio do Docente, sendo igualmente proposto trabalho complementar extra-aula de carácter integrador. Nas segundas será planeado e executado trabalho experimental que concretize exemplos práticos dos conteúdos programáticos da unidade curricular.

Regime de Avaliação

A avaliação é baseada na apreciação dos conceitos adquiridos e na aferição do desenvolvimento de competências nas várias componentes da unidade curricular. A avaliação da componente teórica e prática não laboratorial será aferida através de duas provas de frequência cobrindo aproximadamente metade da matéria em cada um ou, alternativamente, através de um exame escrito cobrindo toda a matéria leccionada. Essa avaliação é complementada por avaliação contínua do empenho e desempenho alcançados pelos alunos na execução de trabalho experimental e na elaboração dos respectivos relatórios, na resolução de questões orais e/ou escritas sobre o trabalho laboratorial e na exposição oral e/ou escrita de trabalho complementar integrador proposto. O peso relativo das duas componentes de avaliação é 2:1.